Ação Polícial

Policial civil e sequestrador são baleados após troca de tiros na capital

O criminoso Alexsandro Silva Lopes, conhecido como “Três Marias” e o foragido Durvalino Moreno Gomes Neto, vulgo “Tubarão”  foram presos na tarde desta terça-feira (17) após troca de tiros com policiais civis da Delegacia Especializada em Crimes Contra o Patrimônio e do 2° DP em Porto Velho (RO). O criminoso Durvalino foi baleado durante o tiroteio e um policial civil acabou alvejado de raspão na perna.

De acordo com informações da polícia, na manhã desta terça-feira quatro criminosos armados em um veículo Fiat Strada roubado abordaram um funcionário de um empresário na frente de um banco na região Central de Porto Velho (RO).
A vítima que estava em uma caminhonete Fiat Toro do patrão foi rendida e sequestrada no carro Strada. Os bandidos se dividiram nos veículos. Dois na caminhonete Toro e dois na Strada com a vítima. Eles foram até a BR-364 com Estrada do Santo do Teotônio. A intenção dos ladrões era manter a vítima sequestrada até a caminhonete ser atravessada para  Bolívia.
Todavia, os policiais em uma rápida ação chegaram antes que os criminosos levassem a caminhonete Toro.
Eles foram recebidos a tiros pelos bandidos e durante o tiroteio um policial civil foi atingido na perna.
O criminoso Durvalino foi baleado nas costelas. O disparo que atingiu o policial foi amortecido porque primeiro pegou no celular dele que estava no bolso.
Outros dois ladrões conseguiram fugir para a mata e não foram presos. O criminoso baleado foi socorrido ao hospital João Paulo II. Com os bandidos presos foi apreendida uma pistola calibre 380 e um revólver 38.
Os policiais apuram  uma onda de roubos de caminhonetes e em lojas que o bando vinha cometendo na capital.
Tags
Mostrar mais

Matérias Relacionadas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close