Manchete

na Casa Civil a diretoria do SINPOL-RO, SESDEC, DGPC, IPERON, SINDEPRO voltaram a debater o Projeto da Reforma da Previdência.

Nesta manhã, (15/10), na Casa Civil a diretoria do SINPOL-RO, SESDEC, DGPC, IPERON, SINDEPRO voltaram a debater o Projeto da Reforma da Previdência.
Oportunidade em que a diretoria do SINPOL-RO debateu novamente os principais pontos que devem ser alterados, defendendo os direitos e prerrogativas constitucionais do policiais civis e o Parecer nº JL 04 da Advocacia Geral da União (AGU).

“Estamos cientes que a Reforma da previdência Nacional, retirou muitos direitos dos policiais, e não pode o Estado de Rondônia querer retirar ainda mais, não estamos pedindo nenhum direito a mais, mas também não aceitamos nenhum a menos, queremos o mesmo tratamento dispensado a Polícia Nacional ” afirmou Rodrigo Marinho, Presidente do SINPOL-RO.

Os representantes da Casa Civil, afirmaram que é possível conceder a paridade a todos os contratados até dez/2019, contudo como se trata de legislação previdenciária, é preciso fazer cálculos atuariais. Desta forma, a reunião foi suspensa, e de posse do sobreditos cálculos, será oportunamente convocada nova reunião, para as deliberações finais, sobre os pleitos dos sindicatos.

União e Austeridade.

Mostrar mais

Matérias Relacionadas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close