Ação Polícial

Delegado e dois PMs são levados para delegacia após serem flagrados com drogas no ES

Delegado David Santana Gomes, que atua no Sul do ES, afirmou que estava conduzindo uma investigação em Vila Velha

Delegado e dois PMs são levados para delegacia após serem flagrados com drogas

Um delegado da Polícia Civil e dois policiais militares foram conduzidos à Delegacia Regional de Vila Velha, na Grande Vitória, na noite desta quarta-feira (27), após serem flagrados com drogas dentro de uma casa no bairro Morada do Sol.

O delegado é David de Santana Gomes, que atua no Sul do Espírito Santo. Já os policiais militares são Juliano Araújo dos Santos e Cleyton Correia Gavi, que estão afastados do trabalho por questões médicas.

Com eles foram apreendidos 14 tabletes grandes de maconha, quatro pedaços menores, além de quatro bolas de haxixe, material para embalar droga, uma pistola e munição.

De acordo com informações da Secretaria de Estado de Segurança Pública (Sesp), o delegado e os outros dois policiais foram levados para prestar esclarecimentos após a Polícia Militar receber uma denúncia de um morador de Morada do Sol, que disse que uma residência havia sido arrombada no bairro.

Ao chegar ao local, a equipe da PM encontrou os três com uma sacola de drogas.

David Santana, que trabalha na Delegacia de Piúma, justificou sua presença no local afirmando que estava realizando a investigação de um caso e que prenderia um traficante. A casa pertence ao irmão de um capitão da PM.

Várias bolsas foram abertas na delegacia. Foram encontradas ferramentas em uma mala e uma arma. Um colete à prova de balas também foi verificado e dois carregadores de munição foram encontrados.

Depois de mais de uma hora, o delegado deixou o local e saiu sem dar explicações à reportagem da TV Gazeta. Ele estava no banco do carona em uma viatura descaracterizada. O carro em que o delegado chegou permaneceu na Delegacia Regional de Vila Velha.

Em nota, a Sesp informou que os três policiais prestaram esclarecimentos e foram liberados.

“A Secretaria de Segurança Pública informa que, após tomar ciência da ocorrência, na noite da última quarta-feira, determinou que as corregedorias da Polícia Civil e da Polícia Militar ficassem responsáveis pela apuração dos fatos. O delegado e os dois policiais militares prestaram esclarecimentos e foram liberados. As corregedorias irão prosseguir com as apurações para esclarecimentos minuciosos dos fatos. Uma perícia foi realizada no veículo encontrado com o delegado e os policiais. Todas as provas estão sendo coletadas e os inquéritos policiais em andamento. Transparência, ética e compromisso com a sociedade sempre irão nortear as ações da Secretaria de Segurança Pública”, diz a nota da pasta.

Em 2015, o delegado atuava no município de Guarapari, na Grande Vitória, mas foi afastado após dar ordem de prisão a dois seguranças que não permitiram a entrada dele armado em um camarote.

David ainda voltou ao show e disse que estava a trabalho. Mas o corregedor disse na época que o chefe do delegado informou que não tinha conhecimento de nenhum trabalho de investigação no local do show. Após o episódio, o delegado foi para o Sul do ES.

Tags
Mostrar mais

Matérias Relacionadas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close