Ação Polícial

DECONDE e parceiros voltam com as operações em estabelecimentos comerciais da capital

A Polícia Judiciária Civil, por intermédio da Delegacia Especializada em Crimes Contra o Consumidor – DECON/RO, em parceria com Secretaria Estadual de Agricultura – SEAGRI,com a presença do Secretário Evandro César Padovani, Secretaria de Finança – SEFIN, representado pelo Coordenador Antonio Carlos Alencar do Nascimento; Programa de Proteção e Defesa do Consumidor – PROCON, representado pelo coordenador, Ihgor Rego.

Dessa vez o foco da operação foi o preço do leite e seus derivados, especialmente preço do queijo. As investigações serão aprofundadas, haja vista que as matérias primas desses produtos não subiram para os produtores rurais, como bem afirma o Secretário de Agricultura Padovani. Dessa forma, não serão admitidos aumentos abusivos nos preços do leite e dos seus derivados, ressalvando os produtos que sejam produzidos fora do Estado que fogem as atribuições dos órgãos estaduais.

A Secretaria Estadual de Agricultura – SEAGRI, também participou dessa operação, o Secretário Padovani e equipe, estão trabalhando para a criação de uma cultura de consumo de produtos da região. Os nossos consumidores ainda não dão prioridades aos produtos produzidos na nossa região. Estes produtos geram empregos e riquezas dentro do nosso Estado. Assim, as próximas campanhas terão como foco principal a criação de uma cultura de valorização do nosso produto regional.

A Secretaria de Finanças – SEFIN, com o coordenador Antonio Carlos e equipe vêm trabalhando em conjunto com a Polícia Civil e demais órgãos de proteção ao consumidor visando coibir aumentos abusos dos preços dos produtos essenciais, especialmente os itens da cesta básica.

O PROCON em parceria com a Polícia Civil também vem trabalhando diuturnamente em operações e atendimento de denúncias. Dessa forma, o PROCON estabeleceu que uma margem razoável de lucro fosse de no máximo 30%.

Durante a operação alguns supermercados foram fiscalizados pela equipe e  também autuados pela Receita Estadual.

Esta operação vai continuar durante toda essa semana

A delegada de Polícia Civil Dra Noelle Caroline Xavier Ribas Leite, titular da DECON/RO, afirma que a Polícia Civil e seus parceiros estão cada vez mais atentos aos aumentos abusivos de preços. Que as blitz nos Supermercados, lojas de venda de IPIs, Postos de combustíveis se tornaram rotinas na capital.

A delegada salienta que não existe a possibilidade desabastecimento de produtos nos supermercados, nas distribuidoras de combustíveis e nas distribuidoras de Gás de cozinha.

As denúncias deverão ser encaminhas para Disque denúncia 191 da Polícia Civil ou para o whatssap para denúncia da PC/69 – 98418-7820 ou também para 151 do PROCON.

Tags
Mostrar mais

Matérias Relacionadas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Verifique também

Close
Close