Manchete

SINPOL-RO TRATA DE APOSENTADORIAS EM REUNIÃO NO IPERON.

A Diretoria do Sindicato dos Servidores da Polícia Civil do Estado de Rondônia – SINPOL-RO, representado no ato pelo Presidente – Rodrigo Marinho, o Vice-Presidente –  Raidson Lima, o Diretor de Esporte – Ismael Miranda e o Secretário Geral – Adão James, estiveram reunidos no Gabinete da Presidente do Instituto de Previdência do Estado de Rondônia – IPERON,  Maria Rejane e dos diretores Roney Silva e Universa Lagos, na manhã desta sexta-feira – 17.

O Presidente do Sindicato Rodrigo Marinho “agradeceu o agendamento da reunião e o avanço nos processos de aposentadorias dos Policiais Civis que tramitam no Instituto, reconhecendo a celeridade dos procedimentos no IPERON. De setembro pra cá foram 86 novas aposentadorias, os policiais têm se aposentado na forma da Lei Complementar 51, com paridade e integralidade, o IPERON reconhece esses direitos e há celeridade nos processos”, declara o presidente.

A Presidente do IPERON, asseverou que o Instituto vem trabalhando para diminuir o tempo de tramitação dos processos, sendo importante a devida instrução com a documentação (check list), assim como, a implantação da tramitação via SEI para dar celeridade aos procedimentos.

A Diretoria após algumas tratativas, enaltece os pareceres da Procuradoria de Controle dos Direitos do Servidor – PCDS/PGE, que vem reconhecendo o tempo de serviço estritamente policial dos servidores, sendo homologados pelo Procurador Geral do Estado – Dr. Juraci Jorge da Silva.

O SINPOL informa que, nos últimos meses do ano de 2019, foram em média 30 atos de aposentadorias por mês de policiais civis publicados no Diário Oficial, e continuará com todo o empenho e esforços para que os processos sejam concluídos de forma célere.

Oportunamente, a Diretoria do SINPOL debateu a minuta do Projeto de Emenda Constitucional sobre a legislação previdenciária de Rondônia que tramita no Instituto de Previdência, protocolando expediente com uma Emenda Substitutiva ao texto original, visando esclarecer ponto omisso no referido projeto, desta forma mantendo o direito de paridade e integralidade aos Policiais Civis em atividade.

União & Austeridade.

 

Mostrar mais

Matérias Relacionadas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Verifique também

Close
Close