Ação Polícial

Polícia prende acusado de tentar matar por causa de bomba; criminoso pensou ter executado vítima

Após uma investigação que durou aproximadamente quatro meses, policiais civis da 8ª DP de Porto Velho prenderam temporariamente na manhã desta quarta-feira (26) Josafá Maciel de Carvalho, acusado de ter tentado matar Roberto Mariano dos Santos, na manhã do dia 11 de fevereiro em um matagal, no setor chacareiro, Bairro Jardim Santana, na Zona Leste de Porto Velho.

Durante as investigações, a vítima relatou para o delegado Cícero Cavalcante, após receber alta do hospital, que estava indo para sua residência quando foi abordado por Josafá e seu comparsa, identificado apenas como Samuel.

Com a arma apontada para a vítima, os criminosos levaram Roberto para um matagal no setor chacareiro onde ele seria executado. No local, o homem foi colocado de joelhos e Josafá efetuou um disparo na nuca da vítima.

Ainda de acordo com relatos de Roberto, no momento do disparo, em um ato de defesa, colocou a mão na nuca, o que fez com que o projétil acertasse sua mão e desviasse a trajetória, alojando-se próximo a coluna.

Depois do disparo, a vítima ficou deitada no chão, fingindo estar morta, e ouviu Josafá dizer para o comparsa que iria buscar uma pá e uma enxada para enterrá-la. Ao perceber que os criminosos não estavam mais no local, Roberto conseguiu se rastejar até uma residência nas proximidades e pediu socorro.

Sobre a motivação do crime, a vítima contou para o delegado que seria por causa do furto de uma bomba de Josafá. Ele suspeitava que Roberto fosse o autor do crime.

Agora, os policiais trabalham para localizar e prender temporariamente Samuel por ter participação no crime.

Mostrar mais

Matérias Relacionadas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close